Blog

Você Sabia?

Inaugurada a galeria de cintura da Marina da Glória

publicado por: Claudio Machado em

branco_50x50

Sementes II 089

branco_50x50

Após sucessivos atrasos, finalmente, foi inaugurada a galeria de cintura da Marina da Glória. Projetada para captar os lançamentos clandestinos de esgoto nas quatro galerias de águas pluviais que deságuam na marina, a obra, inaugurada pela Cedae no dia 15/04, custou R$ 14 milhões e estava prometida desde 2011. A tecnologia aplicada na obra é de origem alemã. Um equipamento conhecido como “tatuzinho”, uma versão menor, porém, semelhante ao shield utilizado nas obras do metrô, perfurou o subsolo sem a necessidade de interrupções no trânsito. A partir de agora, o esgoto despejado em tempo seco na rede de águas pluviais da região, será captado e encaminhado para a elevatória da marina.

A galeria tem duas redes coletoras em uma extensão total de 630 metros e diâmetro de 300 e 600 milímetros. Com capacidade de bombear até 450 litros de efluentes por segundo, a elevatória envia o esgoto para o Interceptor Oceânico, de onde este segue para o Emissário Submarino de Ipanema. A conclusão da obra livrará a Baía de Guanabara, raia de competição esportiva e palco das provas de vela das Olimpíadas Rio 2016, de receber um considerável volume de esgoto não tratado, o que contribuirá sensivelmente para a queda do nível de poluição de suas águas.

Segundo matéria publicada na edição de 28/05 do jornal O Globo, o último boletim de balneabilidade divulgado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em medição realizada no dia 23/05, diz que a Praia do Flamengo está própria para o banho. A aferição foi realizada junto à foz do Rio Carioca e em frente à Rua Correa Dutra. Para o biólogo e ambientalista Mário Moscatelli, é possível que isso possa estar ocorrendo devido à inauguração da galeria de cintura da Marina da Glória. No ano passado a Praia do Flamengo ficou quase 100% do tempo imprópria para o banho.

Apesar dessa boa notícia, muitas das promessas de nossas autoridades em relação aos problemas causados pela poluição, não foram cumpridas. O tão alardeado legado que os jogos olímpicos deixariam para a despoluição da Baía de Guanabara, não vai ser entregue. A meta de tratamento de 80% do esgoto lançado em suas águas não saiu do papel. A praia de Botafogo continua a receber esgoto não tratado, proveniente do rio Berquó, que desagua em sua enseada. A mesma situação vivida pela praia da Urca, vítima de esgoto proveniente de ligações clandestinas na rede de águas pluviais. As lagoas da Barra da Tijuca morrem lentamente, asfixiadas pela poluição causada pelo esgoto e lixo provenientes dos rios da baixada de Jacarepaguá que nelas deságuam. Soma-se a tudo isso, a falta de saneamento e de coleta de lixo nos 15 Municípios que circundam a baía e nela despejam esses dejetos. Mais uma vez, as esperadas obras ambientais que solucionariam definitivamente esses problemas, ficaram pelo caminho. Eram somente, as tão conhecidas e tão normalmente descumpridas, promessas políticas.

branco_50x50

Aproveite melhor as suas horas de lazer,
vivencie o Parque do Flamengo.

logoocupaparque

Por um parque pra chamar de seu…
Participe!

branco_50x50

 WP_20160525_12_56_24_Pro

 

Domingo(31) Circuito do Sol – 5 e 10 K, nas pistas do Parque do Flamengo (Aterro). Concentração no Monumento aos Pracinhas.

publicado por: Fernando Nascimento em

Circuito do Sol

Corrida de Rua


O Circuito do Sol 2016 – Rio de Janeiro acontecerá nas pistas do Parque do Flamengo (Aterro), independentemente das condições climáticas. A concentração será na área externa do Monumento aos Pracinhas e a largada está prevista para às 08:00 h do dia 31 de janeiro.

Evento de abertura do calendário O2 de corridas de rua, o Circuito do Sol vai te dar mais energia para você retornar aos treinos após as festas de final de ano e continuar correndo o ano todo.

A corrida será disputada nas categorias individual masculino e individual feminino, nas modalidades de 05 k, 10 k.

Os atletas deverão dirigir-se ao local de largada com pelo menos meia hora de antecedência (07h30), quando serão dadas as instruções finais.

A ORGANIZAÇÃO solicita extrema atenção às chamadas do sistema de som na área de LARGADA para eventuais alterações nos horários.

branco_50x50

Saiba mais sobre o Elemento Arquitetônico
Monumento aos Pracinhas

branco_50x50

Aproveite melhor as suas horas de lazer,
vivencie o
Parque do Flamengo.

logoocupaparque

Por um parque pra chamar de seu…
Participe!

branco_50x50

corridaderua_circuitodosol_12

corridaderua_circuitodosol_13

Evento-Teste Jogos Olímpicos Rio 2016 Parque do Flamengo

Regata Internacional Rio2016 – O Teste do Grande Evento.

publicado por: Claudio Machado em

Regata Internacional Rio2016

O primeiro dia da Regata Internacional começou cheirando mal. A área da Marina da Glória exalava o cheiro característico do esgoto que ali é lançado. Um problema que a galeria de cintura em construção, promete resolver até o início dos Jogos Olímpicos, em agosto de 2016. Apesar disso, a maioria dos estrangeiros aprovou as águas da Baía de Guanabara. Alguns velejadores acharam que estava mais limpa do que esperavam e que o mais importante é evitar que o lixo flutuante atrapalhe o desempenho dos barcos. Problema que não aconteceu até agora.

Das dez categorias que fazem parte do programa olímpico, quatro disputaram as primeiras regatas no sábado e os velejadores brasileiros começaram bem, mantendo-se entre os dez primeiros. Robert Scheidt, o mais vitorioso atleta olímpico brasileiro, teve um bom dia na classe Laser. Ficou em sexto na primeira regata e em terceiro na segunda, conquistando a segunda posição na classificação geral entre os 38 competidores.

A brasileira Fernanda Decnop ficou em nono e na oitava posições nas duas regatas da classe Laser Radial. Está em sexto na classificação geral entre 28 velejadores. No windsurfe, classe RS:X, masculino e feminino foram realizadas três regatas e a brasileira Patrícia Freitas ficou em nono na primeira, venceu a segunda e terminou em 16º lugar entre 20 competidores. Ricardo Winick, o Bimba, ficou em oitavo entre os 28 windsurfistas, após ter ficado em nono, quarto e décimo nas três regatas. Resultado por ele atribuído a uma estratégia errada aplicada na terceira regata.

No domingo, segundo dia da competição, a briga ficou mais acirrada, pois está em jogo para muitos velejadores a chance de garantir vaga nos Jogos do Rio, no ano que vem. As brasileiras Martine Grael e Kahena Kunze, líderes do ranking mundial da classe 49er feminina, acabaram desclassificadas logo na primeira regata. Foram denunciadas pela dupla francesa que alegou ter sido atrapalhada pelas brasileiras. O mesmo ocorrido com Patrícia Freitas, que foi acusada pela chinesa Manjia Zengh de não haver respeitado sua preferência em um trecho, mesmo sem ter havido choque das embarcações. Qualquer oportunidade para tirar vantagem sobre os outros está sendo aproveitada. Apesar desses contratempos o dia foi considerado muito bom para as brasileiras.

Robert Scheidt não apresentou um bom desempenho nesse segundo dia. Fez duas regatas ruins e caiu para o 9º lugar na classificação geral. Em contrapartida sua mulher, a lituana Gintare Scheidt, lidera na classe Laser Radial, onde a brasileira Fernanda Decnop está o 8º no geral. Mesmo lugar ocupado por Bimba, na classe RS:X masculina e por Patrícia Freitas, na feminina.

Na classe 470, os brasileiros Henrique Haddad e Bruno Amorim terminaram o dia em 10º no geral. Fernanda Oliveira e Ana Luiza Barbachan ocupam a 6ª posição no geral. Na 49er masculino, Marco Grael e Gabriel Borges estão em 7º no geral. Na classe Finn, Jorge Zarif ocupa a 14ª posição no geral. Na classe Nacra, em 15º no geral, estão Samuel Albrecht e Isabel Swan.

1-Vela 477

1-2015-08-018

 

1-Vela 144 1-Vela 219 1-Vela 150 1-Vela 190 1-Vela 160 1-Vela 243 1-Vela 253 1-Vela 266

1-Vela 171

 

Sábado(15) a Marina da Glória recebe a Regata Internacional de Vela 2015, evento-teste para as Olimpíadas Rio 2016

publicado por: admin em

JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016

Aquece Rio International Sailing Regatta 2015


O Rio 2016 e o Parque do Flamengo receberão os participantes de 51 países para a “Aquece Rio Regata Internacional de Vela 2015” na Marina da Glória, entre os dias 15 e 22 de agosto.

Aquece Rio é o programa de eventos-teste dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. No total, são 45 disputas esportivas, que acontecem nas mesmas instalações dos Jogos, com o objetivo de testar todas as operações que envolvem as competições.

Todos os eventos Aquece Rio envolvem o Comitê Rio 2016, que terá a oportunidade de testar operações específicas, mesmo nas competições organizadas pelas federações internacionais ou nacionais do esporte. A prioridade será testar as arenas de competição e os sistemas de resultado dos Jogos.

A Regata Internacional de Vela 2015 é uma chance para os 338 atletas conhecerem e/ou se familiarizarem com a Marina da Glória e as águas da Baia de Guanabara, local da competição, além de proporcionar uma oportunidade para o público participar e se engajar com o evento.

Contato

Para quaisquer perguntas, entre em contato:
Walter Boddener – Gerente de Vela do Rio 2016
sailing2015@aquecerio.com
(+5521) 2016.5862

Curiosidades

De olho na previsão do tempo – Em um esporte em que o vento é combustível para o barco, vence quem melhor se adaptar às condições climáticas e de navegação.

Menos é mais – Na vela, o vencedor é aquele que soma menos pontos ao completar uma regata.

No topo do pódio – Os brasileiros Robert Scheidt e Torben Grael e o britânico Ben Ainslie são os recordistas de medalhas Olímpicas na vela, com cinco cada.

Saiba mais sobre o Elemento Arquitetônico
Marina da Glória


Aproveite melhor as suas horas de lazer,
vivencie o Parque do Flamengo.

logoocupaparque

Por um parque pra chamar de seu…
Participe!

marina_regatadevela_11

Evento-Teste Jogos Olímpicos Rio 2016 Parque do Flamengo

Saiba por aqui tudo sobre o Evento-Teste que acontece no Parque do Flamengo até o dia 22.

publicado por: Fernando Nascimento em

JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016

Cobertura do Aquece Rio International Sailing Regatta 2015

regatadevela_16

O Rio 2016 e o Parque do Flamengo receberão 239 barcos e 338 velejadores de 51 países para a “Aquece Rio Regata Internacional de Vela 2015”, a ser realizada na Marina da Glória e na Praia do Flamengo, de 15 a 22 de agosto de 2015.

O Portal Parque do Flamengo não poderia ficar de fora. Nosso editor, Claudio Machadocredenciado no evento,  nos manterá informados de tudo o que acontecer por lá, sempre com a ótica de um defensor do nosso Parque.

Aquece Rio é o programa de eventos-teste dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Serão 45 disputas esportivas que ocorrerão nas mesmas instalações dos Jogos, com o objetivo de testar todas as operações que envolvem as competições.

Todos os eventos Aquece Rio envolvem o Comitê Rio 2016, que terá a oportunidade de testar operações específicas, mesmo nas competições organizadas pelas federações internacionais ou nacionais do esporte. A prioridade será testar as arenas de competição e os sistemas de resultado dos Jogos.

A Regata Internacional de Vela 2015 é uma chance para os atletas conhecerem e/ou se familiarizarem com a Marina da Glória e as águas da Baia de Guanabara, local da competição.

Dentro da revitalização da Marina da Glória, com 52% das obras completadas, o Evento-Teste se utilizará do Hangar 2, já totalmente concluído.

evento-teste-para-as-olimpiadas-de-2016

WhatsApp chat WhatsApp